17/11/2017

Por Ecam

Inscrições abertas para 2º Curso Guarda-Parque

Inscrições abertas para 2º Curso Guarda-Parque

O Curso Guarda-Parque: Intercâmbio de Experiências para a Gestão Territorial está chegando na sua segunda edição. Inovador, o curso foi pensado em um novo formato e pretende promover a troca de experiências para a Gestão Territorial.

Este curso é voltado para gestores de Unidades de Conservação e guarda-parques já formados, todos com experiência de atuação em ações de conservação. Acreditamos que a ação integrada de atores locais é a fundamental pra a efetividades das iniciativas de conservação.

Fique atento:

As inscrições estão abertas até o dia 30 de novembro de 2017;

O curso ocorrerá de 08 a 16 de dezembro de 2017;

Para mais informações, acesse o Edital.

Saiba mais sobre o projeto Capacitar para Conservar

O Amapá tem 71% de território ocupado por áreas protegidas. Essas áreas incluem Terras Indígenas, Parques Nacionais, Reservas Extrativas, Florestas Nacionais, entre outros. De diferentes formas, cada uma colabora para a conservação dos biomas do estado.

Hoje, a gestão dessas áreas enfrenta diversos desafios. Um deles é a inclusão das comunidades da região nas discussões que buscam por modelos socialmente responsáveis e ecologicamente sustentáveis. Isso é fundamental, já que a existência de áreas protegidas não deve ser entendida como um entrave ao desenvolvimento econômico. Ao contrario, elas estão associadas a outro tipo de desenvolvimento, que faz uso da floresta ao mesmo tempo em que a conserva.

Para colaborar com esse desafio, a Equipe de Conservação da Amazônia (Ecam), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a Universidade Federal do Amapá (Unifap), a Secretaria Estadual de Meio Ambiente do Amapá (Sema – AP) e a Associação de Guarda-Parques do Amapá (AGPA) desenvolvem o projeto Capacitar para Conservar, cujo objetivo é aprimorar a gestão de Unidades de Conservação por meio da capacitação de guarda-parques e gestores. Essas ações têm o apoio do Fundo Amazônia, gerido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Pelo projeto já foram realizados quatro cursos de Formação de Guarda-Parques. Além disso, mais dois estão previstos para realização até 2017. Também está prevista a realização de dois Cursos Guarda-Parques, em um novo formato, para avançar nesta experiência de formação e promover a troca de experiências para a Gestão Territorial. Estes cursos serão voltados para gestores de UCs e guarda-parques já formados, todos com experiência de atuação na área.

 

ECAM contrata profissional ou empresa especializada em análise de dados.

ECAM contrata profissional ou empresa especializada em...

ECAM contrata profissional ou empresa com expertise e experiência comprovada em análise e sistematização de dados, bem como experiência em...

Em busca de direitos, quilombolas se preparam para vestibular especial

Em busca de direitos, quilombolas se preparam para...

A iniciativa do cursinho preparatório quilombola surgiu em 2015 de forma voluntária e hoje faz parte do processo institucional da Ufopa. No final do...

[BLOG] Tecnologia como ferramenta de resistência, por Meline Machado

[BLOG] Tecnologia como ferramenta de resistência, por...

É comum ouvirmos perguntas como: “índio usa roupa?”, “tem celular?”, “é verdade que os índios têm carro?” E por aí vai… Sim...

Mídias, Redes Sociais e Fake News são debatidos com jovens de Faro, Terra Santa e Oriximiná

Mídias, Redes Sociais e Fake News são debatidos com jovens...

As oficinas fazem parte das atividades de Educomunicação do Programa Territórios Sustentáveis, executadas pela Equipe de Conservação da...