08/03/2023

Por Ecam

Quilombolas produzem campanha publicitária para alertar sobre os riscos da COVID19 nos territórios

Quilombolas produzem campanha publicitária para alertar sobre os riscos da COVID19 nos territórios
reprodução: instagram.com/equipeecam
A campanha é resultado de mentorias que buscam apoiar quilombolas na produção de materiais informativos.

 

Quilombolas do Amapá recebem mentoria para a produção de campanha publicitária direcionada ao enfrentamento da COVID-19 pelas comunidades quilombolas. As mentorias fazem parte do Projeto Comunica Quilombo, iniciadas na primeira semana do mês de dezembro, com duração de 6 meses.

O projeto tem por objetivo promover ações de comunicação qualificada e de publicidade para a adesão à vacinação pelas comunidades quilombolas, que nos últimos dois anos relataram a demora na inclusão no Plano Nacional de Imunizações (NPI) e da ausência de uma comunicação específica para a realidade nos territórios. O projeto realizou um diagnóstico com mais de 40 quilombolas do Amapá e identificou a necessidade de oferecer mentorias para a produção de uma campanha online para as redes sociais, incluindo materiais impressos.

João Salles, 50, remanescente da Comunidade Quilombola Lagoa dos Índios (Macapá-AP) é um dos três quilombolas que fazem parte das mentorias. Salles atua na Coordenação das Comunidades Quilombolas do Amapá (Conaq-AP) e há mais de 20 anos acompanha as demandas das comunidades do estado, prestando assistência social e buscando parcerias com órgãos públicos e demais instituições dedicadas em promover uma melhor qualidade de vida à população.

A liderança conta que o acesso à informação foi prejudicado durante a pandemia, por falta de um material direcionado às comunidades sobre como agir diante da COVID-19. “A gente ia para as comunidades e conversava com o povo, explicava para eles como tinha que fazer. E como tem algumas comunidades distantes, sem transporte e sem internet, não tinha como se vacinar. Então, a gente trabalhou muito para que o poder público levasse essas vacinas para as comunidades. E a gente conseguiu, bem atrasado, mas conseguiu. Então, informávamos através das redes sociais, de ligação e presencialmente.[…] Muitas vezes nós tínhamos que ir pessoalmente conversar, porque uns diziam que a vacina não funcionava, que ia matar. Tinha muita gente que ficava com medo, e nós temíamos principalmente pelos nossos anciãos”.

Segundo a liderança, a mentoria vai trazer autonomia para as comunidades e facilitar o acesso à informação, pouco valorizada no período mais crítico da pandemia. “Eu vejo como um grande ganho, porque realmente as comunidades precisam ser informadas sobre tudo o que está acontecendo. Tem muita coisa que acontece na cidade que não chega lá [nos territórios quilombolas]. Então isso vai ajudar muito no desenvolvimento e no conhecimento das comunidades. O nosso objetivo nas mentorias é adquirir o que muitos quilombolas ainda não podem ter, por falta de acesso, e repassar para eles”, finaliza Salles.

Mentorias

As mentorias acontecem presencialmente no estado do Amapá e abordam fundamentos do design gráfico, ferramentas de edição de imagem e vídeo. Os alunos também recebem o apoio de lideranças quilombolas que atuam diretamente com a vacinação , para a produção de conteúdos sobre prevenção, tratamento e vacinação contra a COVID-19.

Ao final do curso, os mentorados e a mentorada poderão utilizar técnicas de design para criar cards e vídeos em vários formatos […]. A dinâmica das mentorias é justamente proporcionar momentos de bastante interação com os alunos, para que eles possam conhecer, na teoria e na prática, como o design pode apoiá-los em suas realidades”, destacou o Mentor Caio Betto.

O Projeto Comunica Quilombo é realizado pela Ecam, CONAQ, CONAQ/AP, em parceria com a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), a Iniciativa de Novos Parceiros, Ampliando Parcerias em Saúde (NPI EXPAND) e a SITAWI (Finanças do Bem). Juntas, as instituições se uniram para alavancar soluções escaláveis e inovadoras como resposta a emergências à pandemia de COVID-19.

Sobre a NPI EXPAND

A USAID, a NPI EXPAND e a SITAWI Finanças do Bem se uniram para criar uma parceria para apoiar a Resposta à COVID-19 na Região Amazônica brasileira por meio de parcerias estratégicas para alavancar soluções inovadoras e escaláveis para fortalecer a resposta rápida a emergências e ao combate a COVID-19. Entre 2020 e 2021, a primeira fase da iniciativa distribuiu mais de 23 mil cestas básicas e kits de higiene, capacitou mais de 500 agentes comunitários de saúde, doou mais de 1,4 milhão de máscaras feitas por costureiras locais e divulgou mensagens educativas de prevenção para mais de 875 mil pessoas na região. Esta nova fase da está promovendo maior resiliência das comunidades amazônicas através do apoio amplo a vacinação contra a COVID-19, campanhas de informação e combate à fake News, e apoiando os sistemas locais de saúde na região com equipamentos e insumos para detectar, prevenir e controlar a transmissão de COVID-19, bem como realizar o acompanhamento de casos agudos de COVID-19 e tratar as sequelas de síndrome pós-COVID-19.”

Sobre a Ecam

A Ecam é uma organização que atua pela integração entre o desenvolvimento socioeconômico e o equilíbrio ambiental. Desde 2002, busca promover ações inovadoras, motivadas pelo interesse da sociedade e alinhadas à conservação do meio ambiente. Atualmente, a Ecam possui projetos com diferentes setores da economia, nacional e internacional, que fazem parte de suas duas principais
iniciativas: Ecam Projetos Sociais e Ecam Negócios Sociais.

Projeto Quilombo Solidário fortalece comunidades com doação de ferramentas

Projeto Quilombo Solidário fortalece comunidades com...

O Projeto Quilombo Solidário: renda e produção atingiu uma fase crucial, marcada pela implementação de práticas sustentáveis e pela doação de...

Ecam destaca projetos inovadores em evento “Geo for Good” da Google para a sustentabilidade planetária

Ecam destaca projetos inovadores em evento “Geo for...

A Ecam, organização brasileira comprometida com a preservação ambiental e o apoio a comunidades tradicionais, se destacou no recente evento...

Unindo forças: Oficina da Ecam debate Direitos Humanos Quilombolas

Unindo forças: Oficina da Ecam debate Direitos Humanos...

Iniciativa integra atividades do Projeto “Comunidades Negras pelos Direitos Humanos” voltado à promoção, disseminação e acesso de direitos...

Nota de Pesar e Repúdio em Apoio às Comunidades Quilombolas – Mãe Bernadete

Nota de Pesar e Repúdio em Apoio às Comunidades...

Mãe Bernadete – Foto de Walisson Braga – CONAQ É com profunda tristeza e indignação que recebemos a notícia do assassinato brutal da...