14/11/2018

Por Ecam

União de forças no setor privado para o desenvolvimento sustentável na Amazônia

União de forças no setor privado para o desenvolvimento sustentável na Amazônia

Os desafios e oportunidades para a ação empresarial em prol do desenvolvimento sustentável na Amazônia formaram o mote que reuniu em Belém, na quinta-feira (8), empreendimentos de diversos segmentos no primeiro encontro da Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA) no Pará.

Reconhecendo a relevância do setor privado na geração de impacto positivo nas temáticas de sustentabilidade e conservação da biodiversidade, a iniciativa, apoiada pela USAID, Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional, tem como propósito congregar ações na construção de soluções inovadoras para o desenvolvimento sustentável da Amazônia. O encontro inicial da plataforma foi sediado pela Hydro, e organizado pela Coordenação Executiva da plataforma no Pará – composta pelo Instituto Peabiru e pela ECAM – Equipe de Conservação da Amazônia.

A Plataforma (PPA), que iniciou sua atuação em 2017 no Amazonas, apresentou importantes resultados neste primeiro ano no estado, com a atuação de um comitê gestor composto por 11 empresas, e sob a coordenação executiva do IDESAM. O primeiro encontro no Pará contou com a participação de mais de 15 empresas como Cargil, Hydro, Imerys e Natura, e associações empresariais, a exemplo de Abrapalma e Simineral. Com a nova frente paraense, a PPA amplia sua atuação na Amazônia, potencializando relacionamentos e parcerias entre os membros em prol de temáticas de relevo para a região. Anna Toness, Diretora de Meio ambiente da USAID no Brasil, ressaltou o caráter colaborativo da iniciativa, que tem como objetivo congregar esforços facilitando a cooperação entre diferentes segmentos do setor privado. Entre os objetivos da PPA estão catalisar investimentos sociais e ambientais na região amazônica e compartilhar boas práticas em conservação ambiental.

Na ocasião, o grupo discutiu temáticas para atuação conjunta, em campos como empreendedorismo comunitário, conservação e promoção de cadeias de valor nos territórios amazônicos, que serão aprofundadas em suas próximas atividades.

Expectativas e próximos passos: Lançamento da PPA Pará

O grupo de trabalho formado pelo setor privado no Pará recebeu com entusiasmo a proposta de uma plataforma conjunta para sustentabilidade. Priscila Matta, Gerente de Sustentabilidade da Natura, destacou a importância de estabelecer agendas de diálogo que ajudem a promover propósitos comuns. De acordo com João Meirelles, Diretor do Instituto Peabiru, a PPA é uma oportunidade de avançar uma agenda efetiva que concilie interesses de comunidades, territórios e empresas, alinhada com as políticas públicas para Amazônia. Com um encontro inicial promissor, a Plataforma Parceiros pela Amazônia no Pará se prepara agora para a formação de seu comitê gestor e contará com evento de lançamento, em Belém, previsto para o primeiro semestre de 2019.

Comunicação PPA

Compartilhando Mundos: quilombolas do Amapá vão receber a devolutiva da pesquisa no próximo dia 05

Compartilhando Mundos: quilombolas do Amapá vão receber a...

Após percorrer 107 quilombos  de seis estados da Amazônia Legal e mapear a realidade de mais de 12 quilombolas, os Programas Novas Tecnologias e...

Em evento mundial, brasileira apresenta estudo sobre situação dos territórios tradicionais diante da pandemia

Em evento mundial, brasileira apresenta estudo sobre...

O Geo For Good Summit promove, anualmente, ações e projetos com impacto positivo ao redor do mundo. Entre os dias 20 e 22 deste mês, acontecerá a...

Cursistas do Projeto Capacitar para Conservar passam em processo seletivo para Guardaparque

Cursistas do Projeto Capacitar para Conservar passam em...

Ao todo, o curso de Guardaparque, oferecido pela Ecam em parceria com o Fundo Amazônia, capacitou mais de 160 agentes e gestores ambientais. Seis...

Quilombolas pedem ao STF plano emergencial de enfrentamento à Covid-19

Quilombolas pedem ao STF plano emergencial de enfrentamento...

A ação solicita medidas urgentes de acesso à saúde, segurança alimentar e garantia de isolamento em suas comunidades.  Diante do ocorrência e...