18/02/2021

Por Fernanda Costa

Projeto de fortalecimento à agricultura familiar quilombola chega a Rondônia

Projeto de fortalecimento à agricultura familiar quilombola  chega a Rondônia

A iniciativa visa apoiar comunidades quilombolas com levantamento de dados e ações que promovam a agricultura familiar e diminuam a insegurança alimentar nos territórios. 

Com o objetivo de ampliar a atuação do Projeto Quilombo Solidário: Renda e Produção, a Ecam se reuniu com comunidades quilombolas de Rondônia para apresentar e planejar ações de fortalecimento à agricultura familiar. O encontro aconteceu de forma online, no último dia 29, com representantes dos Quilombos de Santa Cruz e Laranjeira, Forte Príncipe da Beira, Quilombo Rolim de Moura e Jesus e Quilombo Pedras Negras.

A ação é fruto da parceria entre Ecam, CONAQ Instituto Clima e Sociedade  e está sendo implementada no estado de Rondônia, devido a uma demanda, que partiu das comunidades, para a construção de um diagnóstico sobre agricultura familiar quilombola. Atualmente, por conta da pandemia, grande parte dessas populações têm enfrentando dificuldades no escoamento e comercialização da produção, gerando impacto direto na renda e insegurança alimentar nos quilombos.

A coordenadora do projeto, Meline Machado, conta que a iniciativa surgiu a partir de um levantamento de dados socioeconômicos realizado, no último ano, pela Ecam e Conaq, que envolveu mais de 100 comunidades quilombolas de seis estados do país, incluindo o estado de Rondônia. No estudo, foi constatado que a agricultura, turismo e extrativismo são as principais fontes de renda para as comunidades.

A construção deste diagnóstico tem por objetivo conhecer um pouco mais sobre a produção dos quilombos e apoiar as comunidades na superação dos desafios relacionados à produção, escoamento e comercialização”.  No encontro, foram apresentadas para as comunidades, cada etapa da iniciativa, que inclui a realização de um levantamento de dados para a construção de um diagnóstico sobre a produção da agricultura familiar quilombola e ações estratégicas de fortalecimento. 

 

Além disso, o projeto conta com uma linha de apoio emergencial de enfrentamento à Covid-19, através da entrega de cestas básicas e kits de higiene a famílias quilombolas em situação de intensa vulnerabilidade. Desde o ano passado, o Projeto Quilombo Solidário: Renda e Produção apoiou mais de 2 mil famílias de 60 comunidades quilombolas no estado do Amapá. 

 

Sobre a Ecam 

A Ecam é uma organização que atua pela integração entre o desenvolvimento socioeconômico e o equilíbrio ambiental. Desde 2002, busca promover ações inovadoras, motivadas pelo interesse da sociedade e alinhadas à conservação do meio ambiente. A partir do respeito à cultura local e ao espaço de fala, trabalha na capacitação de pessoas, para que tenham instrumentos de proteção ambiental e adquiram conhecimento sobre a sua região.

Arqueólogos ganham nova capacitação em geotecnologias e mapeamento colaborativo

Arqueólogos ganham nova capacitação em geotecnologias e...

Foto da capacitação realizada em 2019 ECAM e IEPA são os responsáveis pelo aperfeiçoamento da equipe de Arqueologia na produção de mapas  e...

Ações de solidariedade a municípios da Calha Norte crescem em meio a pandemia

Ações de solidariedade a municípios da Calha Norte...

A Ecam por meio de diferentes parceiros têm contribuído com ajudas humanitárias e de enfrentamento à covid-19 Doações de cestas básicas, kits...

Projeto de fortalecimento à agricultura familiar quilombola  chega a Rondônia

Projeto de fortalecimento à agricultura familiar quilombola...

A iniciativa visa apoiar comunidades quilombolas com levantamento de dados e ações que promovam a agricultura familiar e diminuam a insegurança...

Obra literária que narra a história de mulheres quilombolas é doada em mais de 14 estados do Brasil

Obra literária que narra a história de mulheres...

A Ecam doou 150 exemplares da obra “Mulheres Quilombolas: territórios de existências negras femininas” para quilombolas de 14 estados do país....